O MARAVILHOSO LIVRO DOS SALMOS

SALMO 68 -  A VITÓRIA DE DEUS SOBRE OS SEUS INIMIGOS 
1. Levanta-se Deus; dispersam-se os seus inimigos; de sua presença fogem os que o aborrecem.
2. Como se dissipa a fumaça, assim tu os dispersas; como se derrete a cera ante o fogo, assim à presença de Deus perecem os iníquos.
3. Os justos, porém, se regozijam, exultam na presença de Deus e folgam de alegria.
4. Cantai a Deus, salmodiai o seu nome; exaltai o que cavalga sobre as nuvens. SENHOR é o seu nome, exultai diante dele.
5. Pai dos órfãos e juiz das viúvas é Deus em sua santa morada.
6. Deus faz que o solitário more em família; tira os cativos para a prosperidade; só os rebeldes habitam em terra estéril.
7. Ao saíres, ó Deus, à frente do teu povo, ao avançares pelo deserto,
8. tremeu a terra; também os céus gotejaram à presença de Deus; o próprio Sinai se abalou na presença de Deus, do Deus de Israel.
9. Copiosa chuva derramaste, ó Deus, para a tua herança; quando já ela estava exausta, tu a restabeleceste.
10. Aí habitou a tua grei; em tua bondade, ó Deus, fizeste provisão para os necessitados.
11. O Senhor deu a palavra, grande é a falange das mensageiras das boas-novas.
12. Reis de exércitos fogem e fogem; a dona de casa reparte os despojos.
13. Por que repousais entre as cercas dos apriscos? As asas da pomba são cobertas de prata, cujas penas maiores têm o brilho flavo do ouro.
14. Quando o Todo-Poderoso ali dispersa os reis, cai neve sobre o monte Zalmom.
15. O monte de Deus é Basã serra de elevações é o monte de Basã.
16. Por que olhais com inveja, ó montes elevados, o monte que Deus escolheu para sua habitação? O SENHOR habitará nele para sempre.
17. Os carros de Deus são vinte mil, sim, milhares de milhares. No meio deles, está o Senhor; o Sinai tornou-se em santuário.
18. Subiste às alturas, levaste cativo o cativeiro; recebeste homens por dádivas, até mesmo rebeldes, para que o SENHOR Deus habite no meio deles.
19. Bendito seja o Senhor que, dia a dia, leva o nosso fardo. Deus é a nossa salvação.
20. O nosso Deus é o Deus libertador; com Deus, o SENHOR, está o escaparmos da morte.
21. Sim, Deus parte a cabeça dos seus inimigos e o cabeludo crânio do que anda nos seus próprios delitos
22. Disse o Senhor: De Basã os farei voltar, fá-los-ei tornar das profundezas do mar,
23. para que banhes o pé em sangue, e a língua dos teus cães tenha o seu quinhão dos inimigos.
24. Viu-se, ó Deus, o teu cortejo do meu Deus, do meu Rei, no santuário.
25. Os cantores iam adiante, atrás, os tocadores de instrumentos de corda, em meio às donzelas com adufes.
26. Bendizei a Deus nas congregações, bendizei ao SENHOR, vós que sois da estirpe de Israel.
27. Ali, está o mais novo, Benjamim, que os precede, os príncipes de Judá, com o seu séquito, os príncipes de Zebulom e os príncipes de Naftali.
28. Reúne, ó Deus, a tua força, força divina que usaste a nosso favor,
29. oriunda do teu templo em Jerusalém. Os reis te oferecerão presentes.
30. Reprime a fera dos canaviais, a multidão dos fortes como touros e dos povos com novilhos; calcai aos pés os que cobiçam barras de prata. Dispersa os povos que se comprazem na guerra.
31. Príncipes vêm do Egito; a Etiópia corre a estender mãos cheias para Deus.
32. Reinos da terra, cantai a Deus, salmodiai ao Senhor,
33. àquele que encima os céus, os céus da antiguidade; eis que ele faz ouvir a sua voz, voz poderosa.
34. Tributai glória a Deus; a sua majestade está sobre Israel, e a sua fortaleza, nos espaços siderais.
35. Ó Deus, tu és tremendo nos teus santuários; o Deus de Israel, ele dá força e poder ao povo.
Bendito seja Deus!

COMENTÁRIOS
vv 1-3 - Invoca-se o socorro divino, confiando-se no poder de Deus.
vv 4-6 - Deus é descrito como o Soberano na natureza (v.4); amoroso para com os desamparados (vv 5,6) e distante dos desobedientes (v.6).
vv 7-10 - Aqui há um pequeno resumo do livro de Números, descrevendo apenas a atuação de Deus, cuidando do seu povo, mas não enumerando as muitas desobediências dos israelitas, pois este salmo foi escrito somente para exaltar a glória de Deus. Este trecho revela o poder e a ternura de Deus, Sua força e providência para cuidar dos Seus.
vv. 11-14 - Estes versículos fazem alusão à história de Israel descrita nos livros de Josué e Juízes. Há várias pequenas reminiscências rápidas: os mensageiros, correndo pelo território para dar as novas de uma das muitas libertações operadas por Deus na época, às mulheres cantando em triunfo (conf. Juízes cap. 5; 1 Samuel 18:6); as repreensões mútuas quando alguma das tribos se omitia da batalha (v. 13 com Juízes 5:16-17); vários reis inimigos dispersos como a neve nas montanhas escuras (v. 14 com Josué 10:5-11).
v.13 -  Asas da pomba. Provavelmente precioso e raro entre as jóias da época; seriam cobiçadas como despojo de guerra, prêmio de um herói.
vv 15-18 - O Conquistador entra em Sião com uma multidão de cativos, antecipando o dia no qual subiria aos próprios Céus, acompanhado pelas hostes celestiais (conf. Atos 1:9-10) de onde concederia à Sua Igreja vários dons e poderes pela operação do Espírito Santo (Atos 1:8; Efésuis 4:7-14), em consequência de Sua ressurreição e ascensão.
v 15 - Monte de Deus - O hebraico pode usar a expressão "de Deus", como adjetivo, significando "enorme". Entende-se, pois, que o que é imponente não alcança o mesmo valor que algo que, por menor que seja (o monte de Jerusalém) é alvo de benção da parte de Deus.
18. Levaste cativo o cativeiro - O cumprimento cabal desta palavra dar-se-á quando a morte e o inferno forem lançados na segunda morte, arrojados para dentro da própria cova de torturas que abriram (Apocalipse 20:14).
vv 19-23 - O Deus que nos salvou é o Pai, que nos abençoa com toda boa dádiva (conf. Romanos 8:32). Só por Ele há salvação da morte eterna (20). Será generoso para com Seus filhos e justo para com Seus inimigos.
v 22 - Basã - Região ao leste do Jordão, rica em gado; aqui simboliza uma situação de repouso, de fartura, de beleza e de lucros fáceis.
v.23 - A língua dos teus cães - Conforme a morte de Jezabel (2 Reis 9:30-37).
vv 24-27 - O povo redimido de Deus segue-O com cânticos de louvor, mencionando-se especialmente quatro tribos. A descrição histórica refere-se a uma procissão de ações de graça, indo para o Santuário e, espiritualmente, é comparável à adoração de todos os crentes (1 Pedro 2:4-6).
vv 28-31 - Esta deve ser a oração cantada pelos membros da congregação; estes versículos são proféticos e anunciam o dia no qual esta visão virá a ser realizada na pessoa e na obra do Messias (conf. Apocalipse 21:24).
v. 30 - Fera dos canaviais - Uma referência simbólica ao Egito.
vv. 32-35 - Deus, que primeiramente Se revelou ao Seu povo Israel, será reconhecido como Deus por pessoas de todas as nações, que formarão um novo povo de Deus. Deus, pela Sua força, cumprirá toda a Sua soberana vontade.
Comentários Bíblia Shedd de Estudos
Seguindo a ordem bíblica estaremos publicando periodicamente os Salmos, com comentários. Com isto, pretendemos ter todos os Salmos da Bíblia Sagrada neste blog. Para ver os Salmos publicados anteriormente, procure no menu "Assuntos" e clique no item "Salmos".

Plano da Salvação

Plano da Salvação
Thanks to "The Navigators"

A Deus toda a Glória!

A Deus toda a Glória!

PARABÉNS!

PARABÉNS!
Aos aniversariantes do mês, desejamos as mais ricas bençãos do Senhor!

ESCOLA BIBLICA DOMINICAL INFANTO-JUVENIL

ESCOLA BIBLICA DOMINICAL INFANTO-JUVENIL

OVELHAS PERDIDAS

OVELHAS PERDIDAS

Counter

Onde estamos

Onde estamos
Igreja Evangélica Batista Paulistana Rua Bueno de Andrade, 679 Aclimação São Paulo - São Paulo Fone: 11 - 32088007 Email: ibp@ibpaulistana.com.br

Entre em contato

Entre em contato
Nosso Email

Horário dos Cultos e EBD

Cultos
Domingos: 10h45 e 18h00
Culto de Oração
Quartas-feiras: 20h00
Escola Bíblica Discipuladora
Domingos: 9h25

Cultos pela Internet

Cultos pela Internet
Todos os domingos às 10h45 (Culto Matutino) e às 18h00 (Culto Vespertino) - Clique na imagem acima!

Culto de Oração

Culto de Oração

EBD

EBD

Discipulado

Discipulado

Discipulado

Discipulado

João 8:12

João 8:12

Vem!

Vem!

Google+ Followers

Visitas que nos honram

Páginas Visitadas

Países que nos visitam


Receba nossos artigos no seu email

Translate

Discipulado

Discipulado

Digital clock