PARÁBOLAS DE JESUS

A PARÁBOLA DO CREDOR
Lucas 7:36 a 50


Tendo sido convidado por um dos fariseus para jantar, Jesus foi à casa dele e reclinou-se, como era o costume, junto à mesa.
Assim que tomou conhecimento que Jesus estava reunido à mesa, na casa do fariseu, certa mulher daquela cidade, uma pecadora, trouxe um frasco de alabastro cheio de perfume.
E, posicionando-se atrás de Jesus, prostrou-se a seus pés e começou a chorar. Suas lágrimas molharam os pés de Jesus, mas ela, em seguida, os enxugou com os próprio cabelos, beijou-os e os ungiu com o perfume.
Diante de tal cena, o fariseu que o havia convidado falou consigo mesmo: "Se este homem fora de fato profeta, bem saberia quem nele está tocando e que espécie de mulher ela é: uma pecadora!".
Então, voltou-se Jesus para o fariseu e lhe propôs: "Simão, tenho algo para dizer-te". Ao que ele aquiesceu: "Sim, Mestre, dize-me".
Dois homens deviam a certo credor. Um lhe devia quinhentos denários e o outro, cinquenta.
Nenhum dos dois tinha com que pagar, por isso o credor decidiu perdoar a dívida de ambos. Qual deles o amará mais?"
Replicou-lhe Simão: "Imagino que aquele a quem foi perdoada a dívida maior". Ao que |Jesus o congratulou: "Julgaste acertadamente!"
Então, virou-se em direção à mulher e declarou a Simão: "Vês esta mulher? Entrei na tua casa, e não me trouxeste água para lavar os pés, como é o costume. Esta, porém, molhou os meus pés com suas lágrimas e os enxugou com os próprios cabelos. 
Da mesma maneira, tu não me saudaste com um beijo na face, como é tradicional; ela, todavia, desde que cheguei não cessa de me beijar os pés.
E mais, tu não me ungiste a cabeça com óleo, como era de se esperar, mas esta mulher, com puro bálsamo, ungiu os meus pés.
Por tudo isso, te asseguro: o grande amor por ela demonstrado prova que seus muitos pecados já foram todos perdoados. Mas onde há necessidade de pouco perdão, pouco amor é revelado.
Em seguida, Jesus afirmou à mulher: "Perdoados estão todos os teus pecados!"
Então, os demais convidados começaram a comentar: "Quem é este que pode até perdoar pecados?"
E Jesus revela à mulher: "A tua fé te salvou; vai-te em permanente paz".

COMENTÁRIOS BÍBLIA KING JAMES
Para os judeus, uma refeição era um convite de alto valor social; representava um selo de amizade e reconhecimento entre os convidados. Como as mesas eram baixas, e ao redor havia uma série de divãs e almofadas, os convidados se reclinavam sobre eles, com os pés para trás, a fim de provarem as iguarias que eram trazidas por escravos ou empregados. Estes, além de servirem à mesa, cuidavam da recepção aos convivas, que incluía ungir com óleos e perfumes, lavar e enxugar os pés, especialmente dos mestres da Torá (Lei). Alguns senhores ou patrões, dispensavam seus criados da cerimônia de recepção e a realizavam eles próprios, numa atitude de elevada estima e consideração por seus amigos. Assim, a sala de refeição ficava, em geral, repleta de pessoas; umas comendo e descansando, outras, entrando e saindo para servir aos convidados. É neste contexto que uma mulher, desejosa de abandonar sua vida de prostituição e encontrar a paz (João 8:11) entra na sala em busca do Senhor, trazendo o melhor que possuía: amor no coração, fé no Filho de Deus, arrependimento, desejo de mudar, e adoração (um frasco caríssimo de óleos aromáticos). Jesus estava reclinado, com os pés estendidos e distantes da mesa central. A mulher, não querendo se interpor entre Jesus e o fariseu anfitrião, preferiu humildemente ungir os pés de Jesus à sua maneira, mas com especial e genuína devoção. O frasco era feito de alabastro (uma rocha branca e fácil de moldar). Uma garrafa globular, com gargalo comprido, contendo unguento (óleo perfumado, cujo valor correspondia a cerca de 300 dias de trabalho braçal). O frasco (ou vaso) precisava ter seu gargalo quebrado e usava-se todo o conteúdo numa única aplicação. Ato semelhante foi realizado por Maria, de Betânia (irmã de Lázaro), poucos dias antes da crucificação (João 12:3).
Jesus é realmente o Salvador dos pecadores. A contradição é quase sempre marcante: para o fariseu, Jesus era um profeta e deveria agir com o rigor e o legalismo que ele (fariseu) esperava de um profeta. Para a mulher, prostituta e pecadora, carente de amor, perdão e consideração, Jesus era Deus encarnado, Senhor de misericórdias e da salvação; o único que tinha poderes para perdoá-la e purificar sua vida. E Jesus olhou para a alma daquele ser humano e além do seu pecado viu uma filha de Deus, uma irmã e herdeira do seu Reino (Tiago 2:1-5).
Jesus dá toda atenção à pobre mulher e a abençoa com paz. Nos originais, o verbo desta frase está no tempo presente do indicativo, o que descreve um estado de "constante paz interior com Deus". Literalmente: vai para dentro da paz. Os antigos rabinos costumavam dizer, "vai em paz aos mortos e vai para dentro da paz aos vivos". É importante notar, que o amor da mulher não foi a causa da sua salvação, mas sim a consequência. O fruto de uma vida salva e consagrada ao Senhor. Só a fé em Jesus nos salva do diabo, do mundo e de nós mesmos.

Plano da Salvação

Plano da Salvação
Thanks to "The Navigators"

A Deus toda a Glória!

A Deus toda a Glória!

PARABÉNS!

PARABÉNS!
Aos aniversariantes do mês, desejamos as mais ricas bençãos do Senhor!

ESCOLA BIBLICA DOMINICAL INFANTO-JUVENIL

ESCOLA BIBLICA DOMINICAL INFANTO-JUVENIL

OVELHAS PERDIDAS

OVELHAS PERDIDAS

Counter

Onde estamos

Onde estamos
Igreja Evangélica Batista Paulistana Rua Bueno de Andrade, 679 Aclimação São Paulo - São Paulo Fone: 11 - 32088007 Email: ibp@ibpaulistana.com.br

Entre em contato

Entre em contato
Nosso Email

Horário dos Cultos e EBD

Cultos
Domingos: 10h45 e 18h00
Culto de Oração
Quartas-feiras: 20h00
Escola Bíblica Discipuladora
Domingos: 9h25

Cultos pela Internet

Cultos pela Internet
Todos os domingos às 10h45 (Culto Matutino) e às 18h00 (Culto Vespertino) - Clique na imagem acima!

Culto de Oração

Culto de Oração

EBD

EBD

Discipulado

Discipulado

Discipulado

Discipulado

João 8:12

João 8:12

Vem!

Vem!

Google+ Followers

Visitas que nos honram

Páginas Visitadas

Países que nos visitam


Receba nossos artigos no seu email

Translate

Discipulado

Discipulado

Digital clock